Carboxiterapia

A Carboxiterapia é um tratamento que consiste na aplicação de injeções de gás carbônco sob pressão nos tecidos, aumentando significativamente a oxigenação local e, consequentemente, aumentando a queima de gordura, estimulando a produção de colágeno e o processo de cicatrização

Eficiente no combate, prevenção e tratamento de disfunções estéticas, como celulite, gordura localizada, estrias, cicatrizes, queda capilar e principalmente flacidez na pele (inclusive facial).

Para que serve a Carboxiterapia

Utilizada principalmente para o tratamento de celulite, a aplicação do gás carbônico faz com que os vazos sanguineos dilatem, melhorando a circulação e a gordura é facilmente queimada devido ao aumento do metabolismo que ocorre no local

No caso da estria, alonga os tecidos do local e preenche a região com gás, estimulando a produção de colágeno. Da mesma maneira, a carboxiterapia atua no tratamento de cicatrizes e no tratamento de fibroses decorrentes de cirurgias plásticas, como a lipoaspiração.

Riscos da Carboxiterapia

A Carboxiterapia é contraindicada em casos de alergia na pele, obesidade, problemas pulmonares, devido a retenção de gás carbonico, gravidez e problemas cardíacos.

Alguns efeitos colaterais que podem surgir com a aplicação são: dor e inchaço no local, sensação de dormência e ardência na pele e pequenos hematomas na região aplicada. Tais sintomas desaparecem, após alguns dias da aplicação.

Número de sessões

Os resultados são mais visíveis à partir da quinta e décima sessões de carboxiterapia. Em cada caso é recomendada uma periodicidade. De maneira geral, o tratamento para celulite pode ser feito em dias alternados e a carboxiterapia para estrias e cicatrizes deve ser feita uma vez por semana. Em cerca de 20 minutos o gás carbônico é absorvido pelo corpo, portanto, não há acúmulo deste na pele. É possível tratar mais de uma região por sessão, de acordo com critério médico.

Resultado da Carboxiterapia

Os resultados são mais pronunciados para graus iniciais de celulite, em casos avançados o tratamento traz resultados mais discretos. O cirurgião André Colaneri lembra que nenhum tratamento é capaz de eliminar completamente a celulite, apenas é possível amenizá-la.

Os resultados podem permanecer por tempo indeterminado, dependendo dos hábitos de vida do indivíduo. Pessoas com hábitos saudáveis, que se exercitam regularmente, têm alimentação balanceada e estão dentro do peso normal apresentam menor recorrência do problema. Assim vale para o agravamento da celulite e aparecimento de novas estrias.

Fonte: Texto adaptado do site Minha Vida